9 de fev de 2012

Crianças fumantes - A beleza dos maus hábitos

Lembram do garoto indonésio Ardi Rizal que fumava 40 cigarros por dia com apenas dois anos? Aquelas imagens deixaram muita gente boquiaberta, inclusive a fotógrafa belga Frieke Janssen, que assustada com o que viu começou a refletir sobre o porquê de fumar, sobre os perigos que todo fumante sabe que está correndo e permanece no vício que cada vez mais encontra detratores. Por que o hábito parece ser tão atraente, especialmente para crianças e adolescentes?

Frieke diz não entender direito a campanha anti-tabagismo baseada na proibição já que por outro lado os cigarros continuam sendo vendidos em qualquer botequim. É como se a sociedade ajustasse dois pesos com duas medidas e o cigarro, apesar de todos os seus malefícios, continua exercendo forte atração  na população mais jovem como símbolo de status.

Tudo isso levou Frieke à criação de uma série de fotografias chamada "A beleza dos maus hábitos", que mostra crianças entre quatro e nove anos fazendo poses como fumantes e com um jeito sorumbático. Sua intenção, segundo ela, é questionar se a proibição é o melhor caminho para se livrar do vício, já que dessa forma os fumantes são tratados como crianças pequenas que, apesar de tudo, sabem o que faz bem ou mal. Sua intenção não era criar polêmica, mas a série fez com que a fotógrafa fosse acusada de fazer apologia ao fumo.

Ja pararam para pensar que o cigarro é único produto existente no mundo que tem o objetivo de matar seu cliente através do consumo conforme as regras definidas pelo próprio fabricante? Nesta campanha do Brasil sem cigarro, promovida pelo Fantástico, o Doutor Dráuzio Varella comentou que pesquisas recentes mostram que a idade em que os jovens começam a fumar está ficando cada vez mais baixa.

Sabem a situação mais absurda de tudo isso? Sabemos que a venda de cigarros é proibida para menores, mas o consumo, não. Qualquer criança que tenha acesso ao cigarro dentro do próprio lar é mais um fumante em potencial, a começar pelo péssimo costume que pais fumantes têm de pedir para os filhos irem comprar os cigarros, ou, o que é pior, que acendam.

As fotos de Frieke (segundo ela, as crianças fingiram fumar pedaços de queijo e incenso):





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar

Ocorreu um erro neste gadget

De o Osso ao Cachorrinho